Macena, D. Ângelo e Boina, W. L. de O. (2018) “Utilização de Tradescantia pallida (Commelinaceae) como ferramenta bioindicadora ambiental: alterações genéticas decorrentes de agentes contaminantes em água”, Natureza Online, 16(3), p. 008–015. Disponível em: https://naturezaonline.com.br/revista/article/view/462 (Acessado: 12 julho 2024).